top of page

Palmeiras Campeão Mundial de 1951

Updated: Mar 2, 2023

Júlia Peres




O título da Copa Rio de 1951 foi um dos títulos mais importantes conquistados pela Sociedade Esportiva Palmeiras. No dia 18 de julho de 1951, o Palmeiras derrotou a equipe da Juventus-ITA por 1 a 0 e se consagrou campeão mundial no dia 22 de julho após o empate de 2 a 2 no Maracanã. Esse título internacional não apenas foi importante para o time brasileiro, como para o país inteiro. Os brasileiros ainda estavam abalados após o título perdido na Copa do Mundo de 1950 para o Uruguai, porém, a conquista alviverde deu esperança para o povo brasileiro e teve um papel fundamental na reconstrução do futebol nacional.


Copa Rio 1951

A Copa Rio de 1951 foi o primeiro torneio internacional que ocorreu. A CBD(atual CBF) tinha um sonho de criar um Campeonato Mundial de Clubes e com a aprovação do presidente da Fifa, Jules Rimet, o primeiro campeonato mundial foi criado, contendo os clubes representantes dos seis países melhor ranqueados na Copa do Mundo de 1950. Além desses times, também chamaram os vencedores estaduais do Rio de Janeiro e São Paulo. Alguns times, entretanto, desistiram de jogar o torneio(como o Tottenham, campeão inglês e Hibernian, campeão escocês) e outros já haviam compromissos como o Atlético de Madrid, campeão espanhol, e Rapid Viena, campeão austríaco. No final, os 8 maiores clubes do mundo foram convidados. Esses 8 times foram divididos em dois grupos, onde 4 deles disputaram a fase de grupos no Rio de Janeiro(Maracaña) e as outras 4 equipes em São Paulo(Pacaembu).


Grupo Rio de Janeiro:

  • Vasco da Gama(campeão carioca de 1950)

  • Sporting(campeão português de 1950-51)

  • Áustria Viena(campeão austríaco de 1949-50)

  • Nacional(campeão uruguaio de 1950)


Grupo São Paulo:

  • Palmeiras(campeão paulista de 1950)

  • Juventus(campeão italiano de 1949-50)

  • Estrela Vermelha(campeão iugoslavo de 1950-51 e vencedor da Copa da Iugoslávia de 1950)

  • Olympique Nice(campeão francês de 1950-51)


Campanha

A equipe palestrina começou com o pé direito o torneio ganhando seu primeiro jogo contra o Nice pelo placar de 3x0, com gols de Aquiles, Ponce de León e Richard. O segundo jogo do Verdão foi contra a equipe Estrela Vermelha(que possuía 7 atletas na seleção iugoslávia) onde venceu o jogo por 2 a 1. Apesar do Palmeiras sair atrás no placar, Aquiles, novamente, marcou o primeiro gol da equipe paulista e logo depois, Liminha marcou o gol da vitória, fazendo os torcedores no Pacaembu explodir de felicidade. O Palmeiras chegou com 100% de aproveitamento para enfrentar a equipe italiana, porém, o antigo Palestra Itália foi derrotado por um inesperado 4x0. Apesar dessa derrota diante a Juventus, o Palmeiras ainda se classificou para as semifinais onde enfrentou o Vasco da Gama que havia ganhado os 3 jogos da fase de grupos sendo 2 delas por goleadas de 5 a 1 no Sporting e 5 a 1 no Áustria Viena. Embora o Vasco tenha tido uma ótima trajetória na fase de grupos, o Palmeiras foi capaz de derrotar o Cruz-Maltino vencendo o jogo da ida por 2 a 1, com gols de Richard e Liminha, e segurando um empate de 0 a 0 no jogo da volta. Novamente o Palmeiras ia enfrentar a Juventus, porém, dessa vez, ia ser os jogos que iam decidir o primeiro campeão mundial. O Palmeiras largou na frente ganhando a primeira partida por 1 a 0 com gol de Rodrigues e foi capaz de segurar um empate de 2 a 2 no jogo da volta. No segundo jogo, o time alviverde saiu perdendo por 1 a 0 e foi para o segundo tempo com esse placar, porém, como diz o ditado, o jogo só acaba quando o juiz apita. Rodrigues empatou o jogo por 1 a 1, mas a Juventus mais uma vez estava na frente pelo placar de 2 a 1. Faltando 13 minutos para acabar o jogo, a esperança palmeirense de título foi renovada após Liminha fazer o segundo gol, empatando a partida por 2 a 2, se consagrando o primeiro campeão mundial.




Fifa

Apesar do Palmeiras ser ridicularizado por seus rivais por não ter mundial, a verdade não é essa. Em documento oficial enviado no dia 9 de março de 2007, a Fifa reconhece oficialmente o torneio Copa Rio 1951 como primeiro campeonato mundial de clubes. Além disso, a Fifa já parabenizou, diversas vezes, o Palmeiras pela conquista do campeonato mundial, como em sua conta no Instagram e em seu site oficial dizendo: “O sonho de um campeonato mundial foi sonhado e discutido durante anos por algumas das principais figuras do futebol – Jules Rimet, Ottorino, Barassi and Stanley Rous – e foi finalmente organizado em 1951, no Brasil, que havia recentemente recebido a Copa do Mundo”. Mais uma vez, o Palmeiras foi reconhecido como primeiro campeão mundial após a aprovação do pedido da CBF(para que o Palmeiras fosse considerado o primeiro campeão mundial) ser feita em uma reunião, em 2014, com a presença do presidente da Fifa, Joseph Blatter, o mandatário da CBF, Marco Polo Del Nero, e vários outros cartolas. Depois da reunião, uma ata foi emitida onde cita “Concessão do pedido feito pela CBF para reconhecer o torneio de 1951 entre clubes europeus e sul-americanos e vencido pelo Palmeiras como a primeira competição mundial de clubes”. Como podem ler, a Fifa considera o Palmeiras como o primeiro campeão mundial, portanto, podemos confirmar que de fato o Palmeiras tem mundial.


Comments


bottom of page